domingo, janeiro 25, 2015

Depois Do Je Suis Charlie, Chegou O Je Suis Syriza

Parece que, de repente, nas redes sociais, são todos Syriza. Os que defendiam as políticas de austeridade são Syriza. Os oportunistas da austeridade inteligente e da interpretação inteligente do Tratado Orçamental, são Syriza. Os indiferentes que foram coniventes com a catástrofe austeritária são Syriza. Aqueles que nunca levantaram o rabo do sofá para ir protestar para a rua são Syriza. Os que sempre desdenharam de quem protesta são Syriza. António Costa e Vítor Aleixo vão ser de certeza Syriza. Não me admiraria que mais logo, a partir das cinco da tarde, Passos Coelho e toda a sua trupe, Cavaco Silva incluído, sejam todos Syriza. Suspeito também que quando o FMI, o BCE e a Comissão Europeia voltarem à carga com a política da ameaça, da chantagem e do medo e há-de ser no minuto seguinte a saber-se o resultado das eleições voltam quase todos a meter o rabinho entre as pernas e a desdenhar do Syriza.

Sem comentários: