domingo, outubro 30, 2016

Não Há Código De Ética Governamental Que Resista

Esta semana foi fértil em acontecimentos para o governo da geringonça. A descoberta de um adjunto do Primeiro-Ministro António Costa que falsifica licenciaturas. Um chefe de gabinete do Ministro da Educação que falsifica licenciaturas a dobrar e que concilia a chefia do gabinete do Ministro da Educação com um negócio de empresariado futebolístico em Colónia na Alemanha (o futebol sempre metido na marosca, dantes foi a GALP de Rocha Andrade e outros e os jogos do Europeu). Um administrador da Caixa Geral de Depósitos com um salário obsceno num banco público acabadinho de ser resgatado pelo dinheiro dos contribuintes (fala-se em 5 mil milhões de euros do erário público) que não quer apresentar a sua declaração de rendimentos como um qualquer comum dos mortais. As esquerdas da geringonça submetidas ao Tratado Orçamental e a Bruxelas a engolir sapos atrás de sapos até à ruína total. A sorte desta triste gente é que o povo deu cabo de Passos Celho (os que se dignaram a lutar por um Portugal mais justo) nas ruas. Não fosse isso e a geringonça não durava meia dúzia de dias. O tempo novo é mesmo isto?

sexta-feira, outubro 28, 2016

Os Relvas Do Partido Socialista

A gente sabe que Relvas há só um mas não se pode deixar de assinalar que este governo da geringonça já tem mais Relvas do que o anterior. Estudar pouco, lamber muitos cús, entrar cedo na jotas. É a formula de sucesso. Depois é só esperar que ninguém descubra a manigância.
 

O Activismo Ambiental, Um Activismo Despolitizado

Ontem foi dia de votação na Assembleia da República sobre a exploração de Petróleo no Algarve. O PAN apresentou uma proposta de suspensão do Decreto-Lei nº 109/94 que regulamenta as actividades de prospecção e exploração de petróleo em Portugal que foi chumbada na Assembleia da República com a abstenção do Bloco de Esquerda e votos contra do PS, PSD, CDS e PCP. Autocarros cheios de activistas foram de Loulé e Lagos com viagens pagas pelos autarcas do partido no poder, o Partido Socialista, para verem no dia seguinte, os deputados do Partido Socialista votarem contra a luta dos activistas anti-petróleo que viajaram para Lisboa no autocarro. A reacção das gentes do movimentos sociais ao desprezo que os políticos têm demonstrado pelas suas gentes anda entre a indiferença, a conivência e o analfabetismo político que despolitiza. Às vezes dá vontade de desistir. Fazer as malas e partir. Em Portugal as coisas são sempre assim, muito difíceis. Não se consegue mudar o poder político que nos esmaga nem se pode mudar o povo macambúzio habituado a ser serviçal do poder. Resta o que resta. Viver um dia de cada vez. Talvez não seja mau de todo. Mas cansa. Não é vida. E o país não faz futuro assim.

quinta-feira, outubro 27, 2016

A Exploração De Petróleo No Algarve, A Farsa Partidária Continua

 
PETRÓLEO (Afinal, houve votação)
"O Parlamento chumbou esta tarde a proposta do PAN para revogar a lei que regulamenta o acesso e exercício das atividades de prospeção, pesquisa, desenvolvimento e produção de petróleo em Portugal. O BE absteve-se; PS, PSD, CDS e CDU votaram contra (15 deputadas/os da CDU contra + 2 abstenções). Será o PAN radical? Neste ponto sim, somos radicais. Ser radical é ir à raiz do problema, é impedir quaisquer avanços nesta atividade, é contribuir para um país que se interessa mais pelas pessoas e pelo ambiente do que com os mercados e com os agentes económicos. Continuaremos a trabalhar nesse sentido, mesmo que os restantes partidos não acompanhem esta posição. O PAN é portanto o único partido em Portugal que se opõe na sua totalidade à exploração de hidrocarbonetos."
 
 

Sobre A Central De Propaganda Do Bloco De Esquerda

Exemplo de uma notícia claramente fabricada para enganar a opinião pública. Apresentar legislação sobre avaliação de impacto ambiental não é o mesmo que suspender os contratos de exploração de petróleo (eles são suspensos apenas enquanto decorrer a AIA, o que significa que se esta for positiva, a exploração de petróleo avança). A central de propaganda do Bloco de Esquerda a funcionar.
 

quarta-feira, outubro 26, 2016

Petróleo No Algarve: O Partido Socialista Quer Mesmo Destruir A Região

Há sempre um mas, um senão, uma pequena grande aldrabice pelo meio, há sempre uma estratégia para que nada mude fazendo de conta que se muda alguma coisa, para enganar as pessoas. Há sempre uma exploração com "cautela", acompanhada da procura da legitimidade da decisão por uma instituição credenciada cientificamente. Querem agora um "debate público amplo" porque o que está a haver ainda não lhes chega. Já tresanda o cheiro podre da mentira e os tipos do PS ainda não se aperceberam disso.

"Por isso, esclarece, o que o PS recomenda ao governo é que tome medidas no sentido de "acompanhar os contratos em vigor, com o intuito de acautelar os riscos", num trabalho que defende dever ser feito "em concertação com organizações não-governamentais e com a Universidade do Algarve" e envolvendo "um amplo debate público".
 

terça-feira, outubro 25, 2016

A Meritocracia Da Seita

É assim uma espécie de fetiche da aquisição dos títulos sem o correlativo dispêndio em esforço para os alcançar. Paga-se a professores amigos para escrever livros. Paga-se a bloguers para defender governos e assassinar politicamente adversários. Estuda-se pouco. Ascende-se social e politicamente pelas jotas de um qualquer partido que sirva e pelo culto das "boas relações" que contam. Profissionaliza-se a mentira. Bolas, assim não vale. É batota.
 

segunda-feira, outubro 24, 2016

As Meninas Virgens Do Máximo, As Gajas Boas de Trump E O Sexo Oral De Madonna

O mundo está perigoso. A polícia dos costumes anda aí ao virar de cada esquina e não se recomenda. Um taxista assim meio iletrado e com o machismo exarcebado típico das classes populares foi apanhado em flagrante, a quente, pela câmara de um jornalista, numa manifestação em defesa da categoria profissional, a dizer uns enormes disparates e ordinarices. A Comissão para a Igualdade de Género não perdoou e o Ministério Público abriu agora um inquérito ao pobre coitado. Não pensem que estou a falar do Donald Trump que foi apanhado a dizer que as "apalpa a todas" em plena campanha eleitoral americana, como se as mulheres fossem todas uma propriedade sua e nem sequer estou a falar de Madonna que prometeu fazer sexo oral a todos os que não votem em Trump e garantiu que o faz bem. Não, estou mesmo a falar do Máximo, o pobre diabo que foi à manifestação dos taxistas em defesa do ganha pão da sua vida. Portanto, já sabem, tenham muito tento na língua e muito cuidado com o que dizem. Big Brother is whatching you. Um dia destes ainda têm que prender meio Portugal. E não, não concordo em nada com a absurdidade do Máximo.
 

domingo, outubro 23, 2016

Os Vampiros

Portugal hoje é isto. O tipo levou uma parte do dinheiro da Caixa Geral de Depósitos (resgatada posteriormente pelos contribuintes portugueses com o aval de toda a Geringonça) para investir no mercado de acções, não pagou as suas dívidas ao banco público e vai avançar com um novo museu sabe-se lá com o dinheiro de quem. Nenhum país resiste a isto. Não há moral, não há decência, há apenas e só a mais absoluta vampiragem. Quo vadis Portugal?
 

Catarina De Bruxelas

A conversão do Bloco de Esquerda na submissão a Bruxelas vai mais longe do que alguém poderia imaginar. Catarina Martins é o novo Tsipras das esquerdas, agora em Portugal, apesar de o fazer de uma forma mais soft e ainda pouco visível. Tal como a moeda no jogo do capitalismo, na política parece que não há nada que o poder não converta. Submetido a Bruxelas e às regras financeiras do Tratado Orçamental. Confessando a sua incapacidade na renegociação da dívida resta-lhe a política da vitimação como estratégia (para eleitor ver). Às Segundas, Quartas e Sextas suporta o governo socialista submetido a Bruxelas de António Costa e às Terças e Quintas junta-se às populações na rua contra esse mesmo governo. Como táctica política talvez resulte temporariamente. Como estratégia política é suicidária. Esta estratégia política de se submeter a uma consolidação brutal dizendo que ao menos prova-se que é possível consolidar de outra maneira é ela mesmo brutal. António Costa já não precisa falar da tal austeridade inteligente pois ela está aí a ser sufragada pelo Bloco de Esquerda. Quem diria?
 

Solidariedade Total Para Com os Ilhéus

Por estes dias a minha total solidariedade vai para a luta dos Ilhéus que têm vindo a ser continuamente vítimas da mais terrível violência Estatal e governamental. Aquela que entra no âmago das subjectividades individuais e destrói em cacos as nossas pessoas pelo exercício de violência psicológica total que o uso da força arbitrária implica. Nenhum ser humano deveria passar por isto. Há aqui uma clara violação dos mais básicos direitos humanos e não se vê que tipo de organismos de defesa dos direitos humanos estão a intervir em defesa destas pessoas e das suas vidas. Quando assistimos a esta barbárie sem o mínimo de indignação ou de compaixão é a nossa condição de humanos que está em causa.

O Líder Da CUVI E O Líder do Bloco de Esquerda No Algarve

Pedido de esclarecimento: - Por estes dias de discussão do Orçamento de Estado alguém tem ouvido o líder da Comissão de Utentes da Via do Infante (CUVI), João Vasconcelos, a pedir a abolição das portagens da Via do Infante? Será que o tipo foi mandado calar pelo líder do Bloco de Esquerda Algarve, o deputado, eleito pelo Algarve, João Vasconcelos?

sábado, outubro 22, 2016

Sobre As Modernas Técnicas De Manutenção E Conquista Do Poder

Sobre as modernas técnicas de manutenção do poder. Isto foi muito evidente no tempo de Sócrates. Foi muito evidente no tempo de Passos Coelho (onde militantes partidários chegaram a dar formação para o combate político nas redes sociais) e nas redes digitais experimentem meter-se com os fiéis do Bloco de Esquerda que vão ver o que é bom. A lógica da manutenção e da conquista do poder não olha a meios para atingir os fins. Digno de um tratado Maquiavélico. A lógica é sempre a mesma. Abater quem se atravessa no caminho. Não lhes chega promoverem-se e distinguirem os seus, trata-se de matar as oportunidades de vida dos outros. Em Portugal a democracia (?) não se recomenda.
 

Uma Cidadania Castrada Pelo Poder Político Em Portugal

Continuam as críticas absurdas ao MALP e à minha pessoa de que as intervenções que aqui se fazem prejudicam a luta contra o petróleo no Algarve. Resumindo, o facto do Dr. António Costa e o governo da geringonça não quererem cancelar os contratos parece não incomodar quase ninguém. O facto dos políticos de quase todos os partidos nos aldrabarem a quase toda a hora também é coisa de menor importância. E o facto de grande parte das gentes dos movimentos sociais ter andado sobre a alçada de alguns partidos políticos também é um problema secundário. A quase geral despolitização não chateava tanto não fosse o diz que disse alimentado por uma certa ignorância e pelas gentes ligadas aos partidos políticos. Assim, chateia. É que temos que fazer auto-censura, andar caladinhos, fazer a crítica como os outros acham que ela deve ser feita, ou andar submissos ao poder e fazer a crítica com muita "cautela". Por este andar ainda vou um dia ouvir, pasmado, que a culpa da exploração de petróleo no Algarve é do Movimento Algarve Livre de Petróleo. Haja Paciência. Ninguém imagina o quanto é difícil exercer a cidadania em Portugal fora da alçada dos partidos políticos.

Que Se Lixem Os Políticos

Vale a pena começar a colocar a hipótese de que entre ter maus governos ao serviço estrito do capital financeiro especulativo internacional e não ter governos é preferível mesmo não tê-los. Quando o Estado de Bem Estar se transformou em Estado de Mal Estar que se lixem os políticos. Vale a pena recordar que já tinha sido assim na Bélgica.
 
 

sexta-feira, outubro 21, 2016

Secretário De Estado Do Ambiente Ou Secretário De Estado Do Petróleo?

Quando um secretário de Estado do Ambiente diz isto (a fazer de nós todos parvos) é porque estamos perante corrupção governamental em grande escala ou então isto é gente estúpida que não sabe para onde está a conduzir o país. São declarações do Secretário de Estado do Ambiente e não do Secretário de Estado do Petróleo. Mais palavras para quê? Nada mais nos resta do que expressar a nossa indignação de forma bem forte onde a pudermos expressar. Sem medo.
 

quinta-feira, outubro 20, 2016

As Classes Sociais E As Bruxas

Oferecer gratuitamente manuais escolares é uma boa medida de política mas tem efeitos sobretudo nos orçamentos das famílias. É preciso muito mais do que isso para combater as fortes desigualdades sociais no sistema educativo português derivado das condições económicas e sociais das famílias (a velha história de que as classes sociais são como as bruxas). É preciso desde logo um política estrutural de combate às desigualdades na sociedade Portuguesa. E ainda políticas de combate às desigualdades socio-educativas que intervenham sobre as escolas, os professores, os alunos e as famílias. Não é tarefa fácil e não se faz de uma assentada mas é mais urgente do que nunca se queremos uma democracia digna desse nome.
 

terça-feira, outubro 18, 2016

Um Pais Governado Por Gente Corrupta

Isto é um país gerido por gente indecente e imoral (no pior dos sentidos). Portanto, a fuga de petróleo já é preocupação mas vamos para a frente a toda a força arruinar a região e a vida das populações porque "os contratos já estão assinados". E fazemos isto tudo com muita "cautela". Num país governado por corruptos, aldrabões e mentecaptos, é difícil ser gente com dignidade. Falta-me dizer um palavrão. Fica dito em privado.
 
 

Uma Grande Lata E Uma Enorme Falta De Decoro

Vale tudo. Quanto à falta de vergonha das autoridades oficiais, estamos conversados. Isilda Gomes do Partido Socialista à cabeça. Até as petrolíferas Repsol e a ENI foram convidadas para a festa. Trata-se de um seminário em Portimão para "A Preservação do Meio Marinho". A lata é total. Uma grande lata e uma enorme falta de decoro.

domingo, outubro 16, 2016

Cuidar Do Serviço Básico De Urgências De Loulé

Como o prometido é devido em nome do Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé estivemos esta tarde em vigília à porta dos Serviços Básicos de Urgência e tivemos uma conversa informal com os senhores Presidentes da Câmara Municipal de Loulé, Vítor Aleixo e de São Brás de Alportel, Vítor Guerreiro, que de forma muito digna compareceram no local com o intuito claro de ouvir as nossas preocupações. É muito claro que o problema para que aqui alertámos de falta de pessoal médico é real a que acresce o problema sério da empresarialização do pessoal médico que distribui os médicos a seu belo prazer pela região do Algarve estando a provocar neste momento fortes ineficácias nos serviços. No dia em que estive 14 horas com o meu filho à espera de médico e em que acabei por ir parar ao Hospital Privado, parece que um dos médicos que faltava nas urgências em Loulé teve que se deslocar para Albufeira para compensar os dois que lá faltaram nesse mesmo dia. Aproxima-se um Inverno segundo consta nas previsões dos peritos, rigoroso. O Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé não deixará de estar atento e de intervir se for preciso.


sábado, outubro 15, 2016

Cinco Anos do 15 De Outubro, Um Dia Histórico Na Sociedade Portuguesa



Hoje é dia 15 de Outubro de 2016. Faz hoje 5 anos que a primeira grande manifestação dos indignados em Portugal saiu à rua em Lisboa. Foi um dia histórico. De raiva e de revolta nas ruas e ao mesmo tempo de esperança. Ficará para sempre na minha alma o impressionante grito de indignação contra a austeridade, a injustiça, a precariedade e de luta por uma sociedade mais digna. Enquanto percorria as ruas de Lisboa em direcção à Assembleia da República pensei com os meus botões que o melhor da sociedade portuguesa estava ali representada na manifestação. Uma população ainda marcadamente jovem, consciente dos seus direitos, altamente pollitizada, lutava por um mundo melhor. Foi um dia importante na rejeição da sociedade austeritária e um passo importante para a mudança governamental que se veio a verificar mais tarde. Infelizmente muitos deste jovens sairam do país e Portugal ficou mais pobre. Nunca me esquecerei deste dia que ficará para sempre na minha memória. A ocupação da escadaria da Assembleia da República foi histórica.

quinta-feira, outubro 13, 2016

Normal Ou Patológico?

Acabadinho de chegar do Serviço Básico de Urgências de Loulé (vida dura). Um dos pequenotes entalou a mão numa porta na escola. Aparentemente tudo a funcionar dentro da normalidade. Tempo de espera aceitável. Dois médicos nas urgências. Enfermeiros. Raio X a funcionar. Bom atendimento. Diagnóstico feito. Receita passada. Não há fractura. Deveria ser sempre assim. Vamos ver quanto tempo dura.

quarta-feira, outubro 12, 2016

Aviso de Protesto Entregue Na Câmara Municipal De Loulé, Queremos Um Serviço De Saúde Digno

Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Loulé
Dr. Vítor Aleixo
Data: Loulé, 12/10/2016
Assunto: Aviso de vigília de protesto em defesa de serviços de saúde dignos nos Serviços de Urgência Básica de Loulé

 
As Urgências do Centro de Saúde De Loulé estão outra vez num acentuado estado de degradação e aparentam estar de novo ao abandono. Faltam médicos e enfermeiros. Os utentes chegam a ter que esperar 14 horas para ser atendidos. Muitas vezes são informados logo à chegada que os tempos de espera andam à volta das 7 a 8 horas e são empurrados indecentemente para as unidades privadas de saúde ou não têm outro remédio que ir para o Hospital de Faro ou até de tomar a triste decisão de desistirem de serem vistos por um médico. Porque esta situação é inaceitável e porque consideramos inadmissível o silêncio dos responsáveis políticos locais sobre esta situação convidamos aqueles que acharem bem a juntarem-se no dia 16 de Outubro, pelas 16 horas à porta das Urgências do Centro de Saúde de Loulé, numa vigília simbólica que significará (mais uma vez) um pedido de socorro das urgências de Loulé em defesa da qualidade deste serviço público de saúde. Este será um primeiro grito de socorro que evoluirá para formas mais radicais de luta se nenhuma intervenção política para resolução do problema acontecer. Os cidadãos aqui identificados (...) fazem comunicar a sua excelência esta intervenção no espaço público.
Com os melhores cumprimentos

Marcelo Quase A Chegar À Lua

Caso os Algarvios não se tenham apercebido, o Senhor Presidente Marcelo Rebelo de Sousa está quase a chegar à Lua. Gozam connosco a torto e a direito. E muito de nós achamos bem. Os magnatas do petróleo agradecem. Os nossos filhos e netos é que são capazes de não vir a compreender. Vem aí a caminho a exploração de petróleo no Algarve mas não se preocupem. É tudo com "cautela".

terça-feira, outubro 11, 2016

Sobre O EgoUberismo

Quando uma categoria profissional luta a sério pelos seus direitos do trabalho que estão a ser vandalizados pelo capitalismo ultraliberal, com o consentimento dos governos nacionais, a reacção quase generalizada é de ataque a quem defende as suas vidas, o ganha pão que alimenta os seus filhos, os direitos inerentes ao exercício da profissão. O facto dos taxistas serem provenientes das classes populares sem uma educação pequeno burguesa distintiva parece fazer o resto. O ódio ao taxista saiu à rua em defesa da moderna globalização chamada UBER. Troquemos também os médicos pelos curandeiros. Os professores pelos astrólogos. E os engenheiros pelos mestre de obras. Ficamos todos mais felizes. E tudo a trabalhar de borla porque o tempo é de vassalagem e de criadagem. E o problema é só dos outros. Estas coisas obviamente não nos afectam, a nós, todos aqueles para quem o mundo depende do nosso grande ego. O indivíduo e o mundo é a nova relação original da contemporaneidade.

segunda-feira, outubro 10, 2016

O Protesto Dos Taxistas E O Reacionarismo Primário Nas Redes Sociais

O reacionarismo primário anti-taxista soltou as rédeas nas redes sociais. É que a selvajaria anti-direitos do trabalho chamada UBER por acaso até é mais baratinha. No limite eu também posso agarrar no meu carro e substituir os taxistas de borla. É o sonho de qualquer consumidor que gosta de viajar à borla e o paraíso na terra do capitalismo. Trabalhadores sem direitos e ao sabor das flutuações do mercado.

domingo, outubro 09, 2016

As Urgências De Loulé Pedem Socorro

Domingo à tarde, 16 de Outubro, às 16 horas, as urgências de Loulé pedem socorro. Faltam médicos, faltam enfermeiros, o tempo de espera dos doentes pode chegar às 14 horas. Muitos desistem e vão para o Hospital Privado, para o Hospital de Faro ou simplesmente desistem de ser vistos por um médico e vão para casa. De forma hipócrita e absolutamente surpreendente (ou não) o Presidente da Câmara Municipal de Loulé, Dr. Vítor Aleixo, remete-se ao silêncio perante esta inadmíssivel situação. Não vamos admitir que esta situação se prolongue. Partilhem por favor. As URGÊNCIAS DE LOULÉ PRECISAM DE SOCORRO!
 

sábado, outubro 08, 2016

PSD Loulé Denuncia A Falta De Médicos Nas Urgências E O Silêncio De Vítor Aleixo

PSD Loulé denuncia a falta de médicos nas urgências de Loulé, a insuficiência de meios e o silêncio do Presidente da Câmara Vítor Aleixo. Têm razão.
 

O Abandono Político Das Urgências De Loulé Na Imprensa Algarvia, Agora Pelo PS

"Segundo o Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé, o Serviços de Urgência Básica de Loulé encontra-se novamente em situação desastrosa, “devido à falta de médicos”, o que obriga a tempos de espera que “pode chegar a 14 horas”."
 

quinta-feira, outubro 06, 2016

A Indecência Tem Limites

Partilhem lá por favor se concordarem em denunciar esta situação. O Dr. Vítor Aleixo e o Dr. Hugo Nunes estão a fazer de conta que nada se passa. Não se lhes ouve um pio. Agora que o governo é do partido socialista já está tudo bem. O caos passa-lhes ao lado.
 

Situação Desastrosa Nos Serviços de Urgência Básica De Loulé

O Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé acaba de denunciar a "situação desastrosa que se vive novamente nos Serviços de Urgência Básica de Loulé em que devido à falta de médicos a espera dos utentes pode chegar a demorar 14 horas".  Relata aquele Movimento de Cidadãos que na segunda feira, 3 de outubro, a situação levou a que "vários utentes" tivessem pedido o livro de reclamações e alguns deles optassem por desistir do atendimento médico para se deslocarem para o Hospital Privado de Loulé, enquanto que outros optaram por se dirigir ao Hospital de Faro. Nesse dia "até às 20:00 horas apenas um médico se encontrava ao serviço", situação que o Movimento de Cidadãos considera "inadmissível". Assim, devido à "degradação dos serviços de saúde pública na cidade de Loulé", o Movimento anunciou também que vai solicitar uma reunião com o presidente da Câmara Municipal de Loulé, Dr. Vítor Aleixo, "para que este providencie os contactos institucionais necessários para voltar a repor a dignidade aos serviços públicos de urgência básica da cidade de Loulé".
 

quarta-feira, outubro 05, 2016

Sobre A Vergonha Que Se Passa Nos Serviços de Urgência De Loulé

Então é assim. Tudo esta semana. Primeiro foi o meu filho a ir às urgências dos Serviços de Saúde de Loulé, resultado: - 14 horas à espera. Falta de médicos. Desistência do atendimento e ida ao hospital privado. Hoje adoeceu-me a mulher, resultado: - Não quer ir "para ali" para onde foi escorraçado no dia anterior o meu filho Pedro. Automedicação e resolução na farmácia. O Dr. Vítor Aleixo e o Dr. Hugo Nunes agora que é o PS que está no poder já não têm nada a dizer quanto a isto. Espero que não fique mais ninguém doente aqui por casa. Se for eu o próximo dirijo-me provavelmente ao BANIF, ao BES ou até à Caixa Geral de Depósitos. Pode ser que por lá encontre um médico.

Vigília À Porta Das Urgências De Loulé, Por Uma Saúde Digna

As Urgências do Centro de Saúde de Loulé estão outra vez num acentuado estado de degradação e aparentam estar de novo ao abandono. Faltam médicos e enfermeiros. Os utentes chegam a ter que esperar 14 horas para ser atendidos. Muitas vezes são informados logo à chegada que os tempos de espera andam à volta das 7 a 8 horas e são empurrados indecentemente para as unidades privadas de saúde ou não têm outro remédio que ir para o Hospital de Faro ou até de tomar a triste decisão de desistirem de serem vistos por um médico. Porque esta situação é inaceitável e porque consideramos vergonhoso o silêncio dos responsáveis políticos locais sobre esta situação convidamos aqueles que acharem bem a juntarem-se no dia 16 de Outubro, pelas 16 horas à porta das Urgências do Centro de Saúde de Loulé, numa vigília simbólica que significará (mais uma vez) um pedido de socorro das urgências de Loulé em defesa da qualidade deste serviço público de saúde. Este será um primeiro grito de socorro que evoluirá para formas mais radicais se nenhuma intervenção política para resolução do problema acontecer entretanto. Juntem-se à causa.
 

Lembrete

Parece que isto de andar a resgatar banco atrás de outro depois faz com que falte dinheiro nos hospitais. Se nas urgências de Loulé continuarem a faltar médicos e enfermeiros avisa-se desde já o Dr. Vítor Aleixo e o Dr. Hugo Nunes que o Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé vai voltar a sair à rua. O que é inadmissível não pode ser admissível. O mesmo movimento que levou o PS ao colo às cadeiras do poder em Loulé não terá problemas em contribuir para a sua queda se isso for do interesse das populações. Esperemos que muito em breve nos dêem alternativa.
 

terça-feira, outubro 04, 2016

Comunicado de Imprensa – Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé

Comunicado de Imprensa – Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé
Loulé, 4 de Outubro de 2016
O Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços de Saúde de Loulé vem por este meio denunciar a situação desastrosa que se vive novamente nos Serviços de Urgência Básica de Loulé em que devido à falta de médicos a espera dos utentes pode chegar a demorar 14 horas. Na Segunda-Feira, dia 3 de Outubro, esta situação levou vários utentes a pedir o livro de reclamações tendo alguns deles desistido do atendimento médico para se deslocarem para o Hospital Privado de Loulé enquanto outros optaram por se dirigir ao Hospital de Faro. Nesse mesmo dia até às 20 horas apenas um médico se encontrava ao serviço. Porque considera inadmissível esta situação de degradação dos serviços de saúde pública na cidade de Loulé, este movimento de cidadãos vai pedir uma reunião com o senhor Presidente da Câmara Municipal de Loulé, Dr. Vítor Aleixo, para que este providencie os contactos institucionais necessários para voltar a repor a dignidade aos serviços públicos de urgência básica da cidade de Loulé.
P’lo Movimento de Cidadãos em Defesa dos Serviços Públicos de Saúde de Loulé
João Martins

segunda-feira, outubro 03, 2016

O Caos De Novo Instalado Nas Urgências Do Centro de Saúde De Loulé

Então é assim. Entrei às 16 horas nos serviços de urgência básica de Loulé com o meu filho e disseram-me que o tempo de espera era de 7 horas porque só lá estava um médico. Levei a criança de volta para casa para não estar à espera 7 horas no Centro de Saúde e quando voltei o tempo de espera a partir das 20 horas aumentou para 10h e 30 mn (sim, está a ler bem, dez horas e trinta minutos), o que perfaz um total de 14 horas e 30 minutos. Pedi o livro de reclamações e levei o puto para o Hospital Privado de Loulé (será que o objectivo é este?). Entretanto várias pessoas desistiram da consulta e abalaram para o Hospital de Faro. É isto o tempo novo da geringonça?

Carta Aberta Ao Senhor Presidente Da Câmara Municipal de Loulé

Carta aberta ao Senhor Presidente da Câmara Municipal de Loulé,
Dr. Vítor Aleixo
 
Caro Dr. Vítor Aleixo,

Acabei de vir do serviço de urgência do Centro de Saúde de Loulé. Um dos meus filhos tem fortes dores de cabeça, forte especturação, dificuldades em respirar e portanto, imagino que esteja com um senhora gripe. Ao chegar ao atendimento do Centro de Saúde a primeira coisa que a funcionária de serviço me informou é que as consultas estavam atrasadas e que teria que esperar à volta de 7h (sete horas) porque só havia um médico de serviço. Poucos minutos depois entrei para a triagem e desta vez foi uma enfermeira que atenciosamente me informou "eu nem sei como lhe dizer isto mas o tempo de espera andará à volta de 7 (sete) a 8 (oito) horas". Que me informassem que o tempo de espera andava à volta de duas a três horas eu ia-me sentar no lugar da espera e aguardar serenamente a minha vez (o nível de tolerância e de sofrimento já vai alto). Agora 7 a 8 horas de espera lamento mas tenho que o informar desta situação. Aliás, foram os próprios profissionais que me confessaram que não é uma situação excepcional mas recorrente nos últimos tempos e quase que imploraram por ajuda.. Esta situação entristece-me porque se a população saiu massivamente para a rua em Loulé para evitar o encerramento do serviço de urgências básicas de Loulé no tempo do Dr. Passos Coelho, os seus amigos da geringonça conseguem atingir o mesmo objectivo degradando os serviços pelo consentimento de um funcionamento de péssima qualidade. Neste momento o meu filho veio para casa onde está deitado à espera que passem as tais 7 (sete) horas para voltar depois para o Centro de Saúde. Vamos a ver se ainda vai a tempo da consulta. Parece que a partir das 20 horas se está à espera que já lá estejam dois médicos. Eu se fosse a si ia escutar as pessoas que trabalham no Centro de Saúde Senhor Presidente.
Com os melhores cumprimentos
João Eduardo Martins

domingo, outubro 02, 2016

O Simulacro Político Do Bloco De Esquerda

Nas portagens esta proximidade com as populações não resolveu coisa nenhuma. O PS manteve as portagens, porque sim. Sobre a questão do crime político da exploração de petróleo e gás no Algarve o Bloco de Esquerda que suporta o governo nada faz para além da tradicional gritaria. O PS vai destruir o Algarve com a instalação da indústria petroquímica em cima das praias, porque sim. E com a expulsão dos ilhéus das suas casas temos a mesma espécie de simulacro. O PS manda as casas abaixo, porque sim. Estas questões decisivas na vida das populações não são objecto de negociação como condição de suporte ao Governo PS? Para que serve então o Bloco de Esquerda (e já agora o Partido Comunista?)
 

sábado, outubro 01, 2016

Protestos Contra A Exploração De Petróleo E Gás Voltam À Porta Do Partido Socialista Em Loulé

O Movimento Algarve Livre de Petróleo (MALP) vai voltar a fazer uma vigília no mês de Outubro à porta da sede do Partido Socialista em Loulé em protesto contra a exploração de petroleo e gás na região do Algarve. Lá estaremos para recordar ao Dr. António Costa que é uma desconsideração a todos os algarvios a sua defesa dos interesses das empresas petrolíferas.
 

O Colaboracionista

Um dos grandes defensores da austeridade em cima do povo e um dos melhores aliados dos criminosos da Troika. Um perfeito colaboracionista. O ex-Presidente Aníbal, 15 anos a fugir aos impostos.