quinta-feira, novembro 19, 2015

O Burro de Buridan

Cavaco Silva passou estas últimas horas a ouvir os banqueiros que estiveram na origem da crise sobre uma solução governativa para sairmos da crise. A maior parte dos banqueiros no final do encontro repetiu os lugares comuns a que estamos habituados e estão de acordo que devemos continuar no paradigma económico na versão do aguenta, aguenta. Está agora na hora de ouvir os sapateiros, os canalizadores, os desempregados e os operadores de call-center. Nada o faz sair da lógica do burro de buridan. O Senhor Presidente arrisca-se a morrer a olhar para os fardos de aveia sem saber o que decidir.

Sem comentários:

Enviar um comentário