terça-feira, maio 15, 2018

Da Exploração De Petróleo No Algarve, Vale Mesmo Tudo?

Carlos Gomes da Silva é Presidente da GALP, é arguido no caso GALPGATE, acusado de "pagar indevidamente" viagens ao EURO 2016 a ex-membros do Governo de António Costa, deputados e a autarcas. Após estes pagamentos, a GALP beneficiou da autorização por mais do que uma vez do furo de petróleo de Aljezur. É estranho que a comunicação social não faça problema disto. É estranho que os autarcas do Algarve façam de conta que este problema não existe e que muito pouca gente do movimento anti-petróleo se pergunte como isto é possível. Sabemos que Portugal se foi estranhamente tornando num país onde vale tudo mas era bom que houvesse alguns travões à indecência e à indignidade pública. Já era mais do que tempo no nosso país que a tolerância à corrupção passasse a ter uma expressão menor do que os próprios actos de corrupção dos quais temos hoje a percepção que atingiu uma proporção não negligenciável.

 

Sem comentários:

Enviar um comentário