quarta-feira, abril 08, 2015

Portugal Está A Saque

Portugal conseguiu o feito inédito de mais depressa vender  Vilamoura do que os gregos o porto de Piréu. Eu que pensava que Vilamoura era domínio público do Concelho de Loulé e que o que é do domínio e do interesse público não podia assim ser vendido ao desbarato mais uma vez nas costas dos cidadãos. O Dr. Vítor Aleixo e o seu vereador moço pequeno ainda não devem ter dado por nada e nem sequer terão com certeza a intenção de vir explicar a quem cá habita de que forma este negócio se cruza (ou não) com a violação do interesse público. Se a concessão da Marina esteve em jogo, é óbvio que a Câmara Municipal de Loulé não podia entrar (consentir?) neste negócio à revelia dos cidadãos. Mas não é nada que me surpreenda pois já aqui tinha avisado que as negociatas entre a política e os negócios andavam ao mais alto nível ali para os lados de Vilamoura nesta segunda década do século XXI. Dos partidos da oposição nem uma mera pergunta em Assembleia Municipal que seja. O PCP não existe em Loulé. O Bloco de Esquerda está sempre com quem está e a direita rançosa vê estes negócios como o expoente máximo da política. O feudalismo está instalado. O fosso entre os cidadãos e os partidos tem neste exemplo a sua máxima separação. Portugal está a saque.

http://www.noticiasaominuto.com/economia/371606/vilamoura-agora-e-dos-americanos-foi-vendida-a-preco-de-saldo

Sem comentários: