sábado, janeiro 23, 2016

Adeus Cavaco, Até Nunca Mais

Este fim de semana há eleições presidenciais. Vou sair de casa entre trabalho, deixar a criançada em festas de anos e passagem rápida pela urnas para votar em branco. É muito possível que o vencedor seja Marcelo Rebelo de Sousa e logo à primeira volta, o que é muito mau para Portugal. Mas este é um grande fim-de-semana. Cavaco Silva vai entrar em quarentena no convento de Alcântara de onde não deveria mais sair. Passaram 30 anos da célebre rodagem do carro à Figueira da Foz em 1985. Tinha eu 15 anos. Uma tragédia para Portugal. Bom fim-de-semana.

Sem comentários:

Enviar um comentário