domingo, janeiro 02, 2022

1 de Janeiro de 2022

Dia 1 de 2022. Acabou mal o ano de 2021, aqui no prédio onde moro. A minha vizinha de cima que de forma generosa me vem oferecer uns figos de vez em quanto faleceu com Covid-19. Estava internada no hospital de Faro e não resistiu. Espero que o filho e o esposo que também estão internados no Hospital resistam. Em pouco tempo, partiu o pai de uma colega de escola do meu filho e agora mais gente conhecida. A autarquia de Loulé continua a esconder os dados da Covid-19 e não revela os dados à imprensa regional. A pandemia está descontrolada novamente e nunca se viu por aí tanto negacionista â solta. Está o Governo do Dr. Costa a pensar, pelo menos, testar as crianças e os jovens no regresso à escola?

Sem comentários:

Enviar um comentário